(11) 3141-2566

crbsp@crbsp.org.br

Testemunhos › 27/08/2019

Testemunhos: Ir. Rina Carla Saisa – Missionária da Consolata

Ir. Rina Carla Saisa

Ir. Rina Carla Salsa foi e continua sendo no céu uma pessoa muito significativa na minha vida. Em 1981 quando tinha apenas 17 anos Conheci-a pois foi ela que me recebeu no Instituto das irmãs missionárias da Consolata como aspirante porque na época ela era a superiora regional.

O QUE POSSO FALAR DA IRMÃ RINA CARLA SALA?

Vou salientar algumas características que marcaram a minha vida na figura desta grande e exemplar missionária da Consolata.

  • Pela primeira vez que me encontrei com ela na missão de Massinga em visita ás irmãs, o seu sorriso e abraço acolhedor foram bem marcantes e suficientes para o diálogo. Nesse encontro deu-me muito ânimo e coragem na minha caminhada vocacional..
  • Ir Rina Carla era repleta do profundo espirito de umilde, silêncio oração, sacrifício, de bom conselho e de zelo apostólico inexplicável. Uma irmã que não acumulava nada para si e isto se transparecia na vida prática com a partilha dos bens matérias e espirituais. Tudo isto questionava muito para mim.
  • Irmã Rina Carla, era uma mulher de intensa vida interior, de adente zelo missionário que até ao esquecimento de si mesma.
  • Uma irmã com delicadeza excecional com as pessoas e respeitosa com a cultura e tradições do povo moçambicano e tornando-se uma de nós. Por esta razão, pôde evangelizar-nos, pois a “Semente do Verbo” já estava nos corações do povo.
  • No campo da evangelização, dedicou a sua via na formação dos catequistas e na promoção da mulher em todos os níveis. Como educadora era apaixonada com as crianças e em colaboração com o Instituto fundou uma cresce  em Marrupa para possibilitar o aprendizado  ás crianças pobres e órfãos.
  • Em setembro 2010 na Venaria  foi meu último encontro com ela, quando estava nos últimos dias da sua vida. Conversamos bastante e no fim disse-me: “ Ir. Madalena, eu estou pronta para ir com Jesus Cristo e se Ele quer que fico um pouco aqui na terra, também faço a sua vontade. Quanto a ti, vai para frente como sempre tenho  falado. Render-se  sempre disponível á vontade de Deus. Com a tua profissão de enfermeira que tanto ama e gosta, cuidar das pessoas doentes a exemplo de Cristo médico dos corpos e das almas .Coragem!”
  • Outro carimbo da identidade da irmã Rina Carla, era o Amor espelhado na espiritualidade de São Paulo, na Cor.13, pois ela mesma afirma em um dos seus escritos; “ l´Amore del Signore é infinito, il suo piano é di VITA anche se ci fa diventare sempre piú piccole, povere e umile. Il nostro atteggiamento interiore, deve essere di fede e di certeza che tutto, tutto, viene da Lui e dalla sua volonta”.( 26 de luglio 1987).
  • A irmã Rina, como superiora regional por 9 anos viveu este serviço nos anos mais difíceis das duas guerras : libertação Nacional e aquela civil desde 1975-1983.Ela viajava continuamente em visitas ás irmãs nas missões em lugares de risco e não deixava faltar nada para os mantimentos ás irmãs. Em 1983-1985 foram anos marcados pelos raptos das irmãs : Tiótima, Rosella, Bona e Luiggia Amalia e padres: Adelino, Matias da Consolata nas missões de Muvammba, Mambone e Niassa pelos guerrilheiros da RNMO (Movimento da Resistência Nacionaal). Nesta situação, via a irmã Rina muito abatida e incansavelmente entrava em contatos com as embaixadas da proveniência das missionárias e missionários em coloração com o P. Norberto Louro superior regional na época buscando os meios para a libertação. Irmã reunia muitas vezes as jovens em formação para partilhar as suas preocupações, convidando a gente para oração e penitencia em prole da vida das irmãs. Depois de 9 meses de agonia, o Senhor Jesus nos deu a alegria da libertação das irmãs e dos Padres do cativeiro.
  • Irmã Rina Carla, no dia 11/3/20011 nas vésperas da sua páscoa com Jesus Cristo deixou a seguinte recomendação para todas as irmãs Missionárias da Consolata dizendo: “l`amore fraterno, quello vero, e espirito di sacrifício” .
  • A Irmã Rina Carla partiu para eternidade, deixando-me um exemplo a seguir. Muito obrigada Irmã Rina por tudo quanto foste e continua sendo no céu intercedendo por  pelo  teu querido povo moçambicano que ora vive na Paz. Irmã Rina Carla, descansa em paz!

Por: Ir. Madalena Xavier, mc

Deixe o seu comentário




* campos obrigatórios.

X